quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Murmuro pesado,
descanso na mente.
Quem sente já não se conhece.

Alívio profundo,
certeza confirmada
Que invada o mundo a verdade.

Confiança, segurança, fé,
me restaram meu trevo e algumas poucas estrelas.

2 comentários:

  1. Esta pequena folha do seu trevo estará sempre no bolso esquerdo da camisa, bem pertinho do coração.

    Amo você-ê.

    ResponderExcluir